Friday, July 07, 2006

Patagonia Express

O mais incrível dos grandes acontecimentos - mágicos ou trágicos - é que nos criam marcos temporais na mente.

Há um ano, enquanto quatro bombas rebentavam em Londres, os meus ténis patinavam alegremente pelo gelo de lagos desertos no Sul do Mundo.

Só soube que passou um ano pela capa dos jornais de hoje.

Desta forma, reconheço o passar do tempo, mesmo sem relógio.

Os acontecimentos são suficientes para medirmos o tempo, que é assim independente de uma medição e passa a ser sensível à acção.

4 comments:

falcao said...

Pergunta: E onde estava falcao quando rebentaram as bombas no metro de londres??

Resposta: No metro de londres!

El-Gee said...

sem duvida que Deus (ou o acaso) segurava as asas de falcão.

Curiosamente, equanto falcao voava sobre o perigo, um condor (o unico que vi na vida) voava sobre a minha cabeça.

Serei um perigo?

m said...

a conduzir já me constou algures que sim (lol)

Pergunta: E onde estava m quando rebentaram as bombas no metro de londres??

Resposta: na tranquilidade de Amesterdão!

falcao said...

Nao sei de onde é que vem a fama desse verdadeiro alain prost..


Pergunta: E onde estava falcao quando uns avioes decidiram bater contra umas torres no dia 11 de setembro de 2001?

Resposta: ? (Vale um copo à escolha)