Saturday, February 03, 2007

Tuesday, wednesday..heart attack

Sais e deixas que a porta de vidro se feche atrás de ti. Sorris, espantosamente afectivo, para o porteiro. Esperas sinceramente que ele tenha um bom fim-de-semana. Sentes um fresco vento mal pões um pé de fora. I don’t care if Monday’s blue. Inspiras fundo e espantas-te com o ar limpo nos teus pulmões. Absorves o bulício ruidoso do fim de tarde. Já está escuro, até. Dás um passo descomprometido pela calçada abaixo. Que amigo te sentes daquela senhora que acaba de passar por ti! Não ouves as buzinas caóticas à tua volta. Estás metido num Mundo só teu. Mas amas o resto. Ninguém sente como estás solto. Também, que te importa? Tuesday’s grey. Ainda estás ofuscado pela súbita mescla de luzes vivas e vozes abafadas. Os carros voam em teu redor. and Wednesday too. Não te sai o sorriso de cara. O que podes fazer hoje? Os teus passos batem leves no chão, como gotas de água. Vais sair? Se calhar, apetece-te mais um cinema..? Sim, e se fosses ao cinema?? Thursday I don’t care about you. O sinal está quase verde. Cruzas-te com meia cidade na passadeira. Entusiasmas-te ao pensar em como cada um segue a sua vida, dono do seu destino. Tu também és. Agora, és. It’s Friday I’m in love. Como estás contente! Segues rua abaixo, apaixonado por aquela gente toda. Monday you could fall apart. Tantas pessoas, cada uma com a sua vida, e nenhuma compreende como é feliz a tua. Tuesday, Wednesday.. Mais um sinal verde. Que interesa?, ias continuar o teu passo veloz mesmo que estivesse encarnado. brake my heart. Pensas na tua semana. Foi dura. Como é que aguentaste aquilo? Oh Thursday doesn't even start! Sabes lá! Que te importa? It's Friday. Estás apaixonado? I'm in love. Se calhar até estás. Não é isso que te preocupa agora. É sexta à noite, e podes escolher o caminho para casa.

11 comments:

makoka said...

Acho mesmo brilhante a maneira como pegas nas pequeninas coisas, e consegues descreve-las com uma simplicidade incrivel. De linha para linha e o pensamento é "é mesmo isso!", pena que nem todos os dias sejam assim...

Lauzinha said...

Luis........ Apaixonei-me pelo texto, estou sem palavras, de todo!!!

astuto said...

Grande escrita, muito fluente e bonita!

Continuação de um bom trabalho.

Visitem:
http:homemmau.blogspot.com
http://maisastuto.blogspot.com

xico said...

The Cure é sempre uma boa fonte de inspiração...

Joana said...

Como sempre um post impecável!
Adoro a maneira como escreves e como os meus olhos passam cada palavra do teu texto, como a minha mente imagina cada situação, como sempre que venho à net passo pelo teu blog e penso: " terá um post novo ( com ar entusiasmada)".
:)

beijinhos

Bhagavad-gitá said...

andas a trabalhar demais.... ;)

Sarah Said said...

esses dias acabam tão cedo...

Estou a gostar de te ler, consegues aquele abano de cabeça e o sorriso de quem se sente compreendido.

Bem só para esclarecer vivi em macau desde os meus 3 anos mas agora estou em Inglaterra.

José Maria Norton de Matos said...

I know the feeling! Graças ao meu irmão mais velho comecei a ouvir os Cure aos 5 anos. E fiquei fã instantaneamente! Pobres Ondachoc, nunca tiveram hipótese comigo...

m said...

mooi !

Sofia said...

maybe tomorrow i'll find my way (home)

Maria Strüder said...

Caramba como é bom sentir isso, eu sinto-me por vezes apaixonada e feliz com isso, mas apaixonada pelo nada mas deixa-me com os tais "pulinhos de alegria".